Sunday, June 7, 2009

À boca das urnas...

Dois vencedores - PSD e BE

Dois derrotados - PS e CDU

Um caso clínico de sobrevivência - CDS

Gosto especialmente do resultado do CDS, não sei se o resultado vai ser simplesmente razoável, bom ou óptimo, tudo depende dos votos finais... Uma coisa é certa, não vai ter, de certeza, o resultado catastrófico que se lhe adivinhava... 

Aprecio o facto de Portugal ainda acreditar num partido como o CDS e não renunciar totalmente aos seus princípios...

Aguardam-se agora os resultados finais para saber o quão bons, ou maus, são estes resultados... 

3 comments:

Anonymous said...

TPestana, você não tem é vergonha nenhuma!!!!
Está todo ruidinho do resultado do CDS, porque indiscutivelmente deveria na sua análise simplória ser colocado no grupo vitorioso.

Dói não dói, é melhor coçar que talvez passe, OU NÃO!!!!

O MUNDO, A EUROPA E PRINCIPALMENTE PORTUGAL PRECISAM DE PESSOAS COM VALORES ANTI-SOCIALISTAS

Passe bem e vá digerindo "dentro do possível" o resultado do "seu" CDS-PP

CDS-PP said...

Pois é mentor deste blog, sou obrigado a concordar com este anónimo. O seu ódio pelo Paulo Portas deve estar a dar cabo de si.
Caso clínico diz o meu amigo, mas para quem??? Vá às páginas amarelas que deve lá ter bastantes psicólogos......

TPestana said...

meus caros tenham calma, parece que não sabem ler... este post foi escrito, precisamente, à boca das urnas... nesta altura o CDS, como digo, e bem, podia ter um resultado razoável, bom ou óptimo, dependendo do resultado final...

Se bem se lembram, nos primeiros resultados, o CDS poderia ainda baixar a votação, manter ou aumentar...

acabou, sem dúvida, por ser um óptimo resultado, tendo principalmente em consideração as já famigeradas sondagens, o que irei comentar em post sobre o resultado final das eleições...

quanto ao meu ódio ao Paulo Portas V.Exas devem estar a confundir-me com alguém..

O facto de não concordar com os actuais dirigentes do partido não em leva a odiar alguém.. Sinceramente, no dia em que odiar alguém por causa disso, pura e simplesmente entrego o cartão e vou-me embora...

Estou sinceramente contente com a vitória do CDS, ao contrário de muitos que, há uns tempos, regozijavam com más sondagens desse mesmo partido e não mexiam uma palha para o ajudar...

Se não me interessasse o CDS enquanto partido (e não enquanto amontoada de gajos), já me tinha ido embora e não tentava fazer com que ele fosse para o lado que EU considero correcto...

Alías, considero que o facto de existirem pessoas DENTRO do partido a discordarem (e não a metralharem) com o presidente apenas faz com que mais pessoas votem no CDS apesar de, eventualmente, não gostarem da actual direcção...

Eu sei que vos custa ver uma oposição partidária responsável, que não anda a mandar bocas constantemente nos jornais (principalmente na altura das eleições), mas não destilem o vosso veneno à primeira vitória...

Bem hajam!