Wednesday, December 30, 2009

Para começar bem o Ano de 2010

"EU CONHEÇO UM PAÍS..."


Nicolau Santos, Director - adjunto do Jornal Expresso, In Revista "Exportar"

"Eu conheço um país que tem uma das mais baixas taxas de mortalidade mundial de recém-nascidos, melhor que a média da UE.
Eu conheço um país onde tem sede uma empresa que é líder mundial de tecnologia de transformadores.
Eu conheço um país que é líder mundial na produção de feltros para chapéus.
Eu conheço um país que tem uma empresa que inventa jogos para telemóveis e os vende no exterior para dezenas de mercados.
Eu conheço um país que tem uma empresa que concebeu um sistema pelo qual você pode escolher, no seu telemóvel, a sala de cinema onde quer ir, o filme que quer ver e a cadeira onde se quer sentar.
Eu conheço um país que tem uma empresa que inventou um sistema biométrico de pagamento nas bombas de gasolina.
Eu conheço um país que tem uma empresa que inventou uma bilha de gás muito leve que já ganhou prémios internacionais.
Eu conheço um país que tem um dos melhores sistemas de Multibanco a nível mundial, permitindo operações inexistentes na Alemanha, Inglaterra ou Estados Unidos.
Eu conheço um país que revolucionou o sistema financeiro e tem três Bancos nos cinco primeiros da Europa.
Eu conheço um país que está muito avançado na investigação e produção de energia através das ondas do mar e do vento.
Eu conheço um país que tem uma empresa que analisa o ADN de plantas e animais e envia os resultados para os toda a EU.
Eu conheço um país que desenvolveu sistemas de gestão inovadores de clientes e de stocks, dirigidos às PMES.
Eu conheço um país que tem diversas empresas a trabalhar para a NASA e a Agência Espacial Europeia.
Eu conheço um país que desenvolveu um sistema muito cómodo de passar nas portagens das auto-estradas.
Eu conheço um país que inventou e produz um medicamento anti-epiléptico para o mercado mundial.
Eu conheço um país que é líder mundial na produção de rolhas de cortiça.
Eu conheço um país que produz um vinho que em duas provas ibéricas superou vários dos melhore vinhos espanhóis.
Eu conheço um país que inventou e desenvolveu o melhor sistema mundial de pagamento de pré-pagos para telemóveis.
Eu conheço um país que construiu um conjunto de projectos hoteleiros de excelente qualidade um pelo Mundo.
O leitor, possivelmente, não reconheceu neste país aquele em que vive...
PORTUGAL
Mas é verdade.Tudo o que leu acima foi feito por empresas fundadas por portugueses, desenvolvidas por portugueses, dirigidas por portugueses, com sede em Portugal, que funcionam com técnicos e trabalhadores portugueses.

Chamam-se, por ordem, Efacec, Fepsa, Ydreams, Mobycomp, GALP, SIBS, BPI, BCP, Totta, BES, CGD, Stab Vida, Altitude Software, Out Systems, WeDo, Quinta do Monte d'Oiro, Brisa Space Services, Bial, Activespace Technologies, Deimos Engenharia, Lusospace, Skysoft, Portugal Telecom Inovação, Grupos Vila Galé, Amorim, Pestana, Porto Bay e BES Turismo.
Há ainda grandes empresas multinacionais instalada no País, mas dirigidas por portugueses, com técnicos portugueses, de reconhecido sucesso junto das casas mãe,como a Siemens Portugal, Bosch, Vulcano, Alcatel, BP Portugal e a Mc Donalds (que desenvolveu e aperfeiçoou em Portugal um sistema que permite quantificar as refeições e tipo que são vendidas em cada e todos os estabelecimentos da cadeia em todo o mundo ) .
É este o País de sucesso em que também vivemos, estatisticamente sempre na cauda da Europa, com péssimos índices na educação, e gravíssimos problemas no ambiente e na saúde... do que se atrasou em relação à média UE...etc.
Mas só falamos do País que está mal, daquele que não acompanhou o progresso.
É tempo de mostrarmos ao mundo os nossos sucessos e nos orgulharmos disso.

BOAS ENTRADAS E TODOS JUNTOS ACABAMOS COM ESTA CRISE ENRAIZADA NA CABEÇA DOS PORTUGUESES

O que precisamos para 2010

Pelo boca de Mário Crespo:

"Alguém que quando falar de educação não nos faça recordar a Independente. Alguém que quando discutir grandes investimentos não nos faça associar tudo ao Freeport. Alguém que definitivamente não seja relacionável com nada que tenha faces ocultas e que quando se falar de Parlamento não tenha nada a ver com as misteriosas ambiguidades de Carla Antonelli "a activista transexual espanhola" que, com Sócrates, agora deambula pelos Passos Perdidos em busca do seu "direito à felicidade". O governo não pode estar entregue a um PS imprevisível e imprevidente, menor em qualidades executivas e em ética, capturado nos seus aparelhos por operadores desalmados e oportunistas."

FELIZ ANO NOVO!

Tuesday, December 22, 2009

País da treta


A propósito da missão Portuguesa na Somália, refere Santos Fernandes, o porta-voz da OTAN que a eficiência da missão em muito se deve a Portugal sendo este o país da OTAN que mais suspeitos de pirataria deteve nos últimos meses ao largo da Somália, primeiro na missão da fragata Corte Real e agora com a Álvares Cabral, que patrulha as águas do Índico.

Mas…, algo tinha de borrar a pintura, diz o citado porta-voz, sem esconder o problema (já não duras lá muito tempo) que tem vindo a afectar não apenas a missão portuguesa, mas também as de outros países da Aliança Atlântica. Santos Fernandes lembra que, como a lei portuguesa não prevê o crime de pirataria, depois de detido, os suspeitos têm de ser soltos.

Caros senhores, então a malta está lá para combater a pirataria, mas eis que capturam os tipos, mas…, afinal.., não vale prender. Já estou a imaginar os piratas a dizerem - que gajos chatos estes Portugueses levam-nos as armas e nem nos dão uns dias de alojamento - …é só a rapaziada ir a terra arranjar mais meia dúzia de AK 47 e lá estão os tipos novamente chatear que quer passar pelo Índico.

Só espero que isto não chegue aos ouvidos dos sindicatos do crime pois está-se mesmo a ver onde os tipos vão arranjar mais uns aviões e uns barquitos…

Isto já faz lembrar outros tempos em que quem ordenava era a tropa fandanga.

Um Santo Natal para todos os amigos e colaboradores do (IN)DIREITA

Monday, December 21, 2009

É que nem dá para dizer que o lance foi confuso...

Mas será que alguém consegue negar este fora de jogo??

Digo DPV, digo...

Então e ninguem diz nada?

"Vamos ganhar porque vamos", "o Benfica está em queda o Porto está na máxima força", "sem o Di Maria e sem o Aimar não jogam nada", "Vão levar uma tareia", "o Benfica quebrou", etc etc etc.
Incha tripeiragem e lagartagem!!!!!Sim porque todas estas mordazes observações e previsões de desgraça foram me sendo feitas ao longo da semana não só por tripeiros como por lagartos.
Um fenómeno fantástico que tenho vindo a observar nos ultimos meses, a lagartagem vive respira e bebe Benfica. É fantástico, andam mais preocupados com o Benfica do que com a m.... de equipa que tem la montada na casa de banho de alvalade. Chegam ao ponto ( e isto é verídico) de telefonarem e mandarem messgs a gozar com o empate do Benfica em Olhão, no mesmo dia que tinham perdido em casa com o Leiria. Fantástico!!!
Quanto ao Porto, sais de frutos e água das pedras que isso passa, não convém andarem com azia nesta altura que vem ai o Natal e depois não podem comer rabanadas....
Saudações Benfiquistas.

Wednesday, December 16, 2009

Contra os casamentos homossexuais

Há que lutar contra esta destruição da família. Porque a seguir vem a adopção. Inspirei-me num texto do João Braga e acho que todos os que lutamos contra os casamentos gay podiamos bem adoptar este lema e esta canção.

If you tolerate this... then your children will be next...



Por espalhem pelos vossos amigos. Divulguem tanto quanto possam. por vezes uma canção tem mais força que mil textos. E põe mesma a pessoas a pensar.

A necessidade de mostrar o mastro...

A Câmara Municipal de Paredes resolveu, em tempo de crise apertadíssima que todos os portugueses (republicanos, monárquicos ou marimbistas) estão a sentir, gastar €1.000.000,00 num mastro para hastear a verde-rubra!!??!?!??


Acho que apenas o FREUD poderá explicar esta necessidade de mostrar o mastro que vai sair tão cara aos bolsos dos portugueses...


Necessidade que, aliás, acho normal numa velha quase a fazer 100 anos...



Monday, December 14, 2009

Isto está a correr sobre rodas....

Está visto, veio a vaga de frio, já ninguem se preocupa com o aquecimento global. Vá de ligar os ares condicionados e os aquecimentos centrais no máximo, quem vier atrás que feche a porta....
Ou esta malta se organiza ou temos a Caparica debaixo de água daqui a uns anos.

Monday, December 7, 2009

Católica é a única portuguesa na lista do Financial Times


Católica é a única portuguesa na lista do Financial Times - in Económico 07/12/09

De facto esta gente sempre se preocupou com a sua génese, com o seu quotidiano e com o seu amanhã.

Estão na vida com o espírito próprio bem alicerçado e sempre a criar novos defensores de causas próprias que os impele para o verdadeiro sentido de missão...

A generalidade ds quadros das principais instituições privadas tiveram parte da sua formação na Católica...

É uma pena que os portugueses continuem a dar o seu aval para que os principais gestores do Público venham com carimbo da INDEPENDENTE.

Friday, December 4, 2009

Portugal, acção ou resignação?

"A data simboliza o dia que Portugal se rebelou contra o domínio filipino, quando um grupo de conspiradores foi até ao Paço da Ribeira exigir à duquesa de Mântua que abdicasse do estatuto de regente. "Vossa Realeza deseja sair por esta porta ou por aquela janela?", foi o convite em modos suaves que lhe fizeram. A duquesa optou pela porta e uma Revolução educada, como quase sempre foram as nossas revoluções, pôde começar. (...)
O que há para comemorar então no 1.º de Dezembro?
Há pouco tempo pus-me a pensar na seguinte pergunta: será legítimo uma pessoa gostar e defender o seu país se este, longe de ser recomendável, decente e organizado, for antes um país sem futuro, cheio de oportunistas, cleptomaníacos e governantes sem escrúpulos? Teremos algum dever moral de defender um país que parece ter sido capturado por uma rede de predadores que usa o poder em seu próprio benefício?
Para alguns a resposta é fácil: "o meu país, certo ou errado". Mas este patriotismo retórico nunca me convenceu. O patriotismo não pode ser a exaltação das virtudes de um país contra os outros, nem assistir resignado ao nosso envilecimento colectivo. Para minha informação, o meu amigo Eduardo Nogueira Pinto fez-me ver há tempos que aquela frase célebre tem uma formulação mais completa: "O meu país, certo ou errado: se certo, que se mantenha certo; se errado, que se torne certo".
Quer dizer então que a liberdade de existirmos como país não serve de nada se não formos exigentes, críticos, insatisfeitos, até que os aldrabões e os governantes sem escrúpulos saiam dos lugares que ocupam. Os conjurados de 1640 estavam descontentes com quem os governava e resolveram por isso agir. Este é o único sentido de independência que ainda nos sobra. Já que este país é o nosso, não vamos deixar que no-lo estraguem ainda mais. É uma luta permanente."
Público, 20091201 Pedro Lomba

Wednesday, December 2, 2009

separados à nascença


Newman (seinfeld)


Francisco Assis


Friday, November 27, 2009

Suction with Valche©k

Há um novo blog (pelo menos eu leio-o à pouco tempo), muito bom, com crítica muito eficaz e que tem feito suar muito boa gente da esquerda à direita da política nacional...

Os autores são perfeitamente identificados, sabemos quem está a falar e as opiniões são mortíferas...

aqui fica a recomendação para o Suction with Valche©k

Vai passar de imediato para a barra ali ao lado..

Wednesday, November 25, 2009

Justa homenagem ao Homem!

O 31 da armada, em mais um genial golpe, descerrou em pleno Campo Pequeno, que alberga a praça de touros do mesmo nome onde um assassino recem-promovido a coronel do exercito português queria encerrar todos os fascistas,uma estátua ao Coronel Jaime Neves.
Justa homenagem ao homem que garantiu ao pais inteiro o direito e a liberdade para fazer coisas destas.Para quando o reconhecimento oficial de um estado democrático ao homem que assegurou essa mesma democracia?
A ver, no sitio do costume, 31 da Armada

Quem disse isto? E estaria a falar do Sócrates?

"Existe uma separação entre o foro judicial e o foro político, mas nada impede uma acusação (e eventual condenação) na ordem política, porque se trata de um juízo totalmente distinto e independente da ordem penal (...) Num país democraticamente maduro, o que estaria em discussão era a substância do problema (ou seja, a censurabilidade política dos factos em causa) e não a legitimidade ou pertinência da apreciação da conduta do ministro do ponto de vista da sua responsabilidade política"

Tuesday, November 24, 2009

Mr. Sócrates again...

Estamos lixados...

Seguindo a sua linha de actuação mais recente e avaliando o valor que tem a palavra deste senhor, não lhe dou um mês até aumentar o IVA ou "alterar" os escalões do IRS...

mais valia estar calado!

Monday, November 23, 2009

Houve taça

Ontem o Aliados do Lordelo eliminou o Leixões.

O Mafra bateu o União da Madeira.

O Leiria caiu perante o Freamunde.

O Benfica perdeu...

...e o Sporting ganhou um jogo.

enfim, houve taça!!!

Isto não é porreiro pá!

Duarte Roriz José António Saraiva, director do ‘Sol’22 Novembro 2009 - 00h30

Entrevista: José António Saraiva

"Não falimos por um milagre”

José António Saraiva, director do semanário ‘Sol’, revela ao CM que o Governo o pressionou para não publicar notícias do Freeport e que depois passou aos investidores.

Correio da Manhã – O ‘Sol’ foi coagido pelo Governo para não publicar notícias do Freeport?

José António Saraiva – Recebemos dois telefonemas, por parte de pessoas próximas do primeiro-ministro, dizendo que se não publicássemos notícias sobre o Freeport os nossos problemas se resolviam.

– Que problemas?
– Estávamos em ruptura de tesouraria, e o BCP, que era nosso sócio, já tinha dito que não metia lá mais um tostão. Estávamos em risco de não pagar ordenados. Mas dissemos que não, e publicámos as notícias do Freeport. Efectivamente uma linha de crédito que tínhamos no BCP foi interrompida.

– Depois houve mais alguma pressão política?
– Sim. Entretanto tivemos propostas de investimentos angolanos, e quando tentámos que tudo se resolvesse, o BCP levantou problemas.

– Travou o negócio?
– Quando os angolanos fizeram uma proposta, dificultaram. Inclusive perguntaram o que é que nós quatro – eu, José António Lima, Mário Ramirez e Vítor Rainho – queríamos para deixar a direcção. E é quando a nossa advogada, Paula Teixeira da Cruz, ameaça fazer uma queixa à CMVM, porque achava que já havia uma pressão por parte do banco que era totalmente ilegítima.

– E as pressões acabaram?
– Não. Aí eles passaram a fazer pressão ao outro sócio, que era o José Paulo Fernandes. E ainda ao Joaquim Coimbra. Não falimos por um milagre. E, finalmente, quando os angolanos fizeram uma proposta irrecusável e encostaram o BCP à parede, eles desistiram.

– Foi um processo longo...
– Foi um processo que se prolongou por três ou quatro meses. O BCP, quase ironicamente, perguntava: "Então como é que tiveram dinheiro para pagar os salários?" Eles quase que tinham vontade que entrássemos em ruptura financeira. Na altura quem tinha o dossiê do ‘Sol’ era o Armando Vara, e nós tínhamos a noção de que ele estava em contacto com o primeiro-ministro. Portanto, eram ordens directas.

– Do primeiro-ministro?
– Não temos dúvida. Aliás, neste processo ‘Face Oculta’ deve haver conversas entre alguns dos nossos sócios, designadamente entre Joaquim Coimbra e Armando Vara.

– Houve então uma tentativa de ataque à liberdade de imprensa?
– Houve uma tentativa óbvia de estrangulamento financeiro. Repare--se que a Controlinveste tem uma grande dívida do BCP, e portanto aí o controlo é fácil. À TVI sabemos o que aconteceu e ao ‘Diário Económico’ quando foi comprado pela Ongoing – houve uma mudança de orientação. Há de facto uma estratégia do Governo no sentido de condicionar a informação. Já não é especulação, é puramente objectiva. E no processo ‘Face Oculta’, tanto quanto sabemos, as conversas entre o engº Sócrates e Vara são bastante elucidativas sobre disso.

– Os partidos já reagiram e a ERC vai ter de se pronunciar. Qual é a sua posição?
– Estou disponível para colaborar.

Wednesday, November 18, 2009

LEVAR COM O VARA NO LOMBO

Armando Vara já tinha conseguido aquela espectacular proeza de suspender o seu mandato (ou contrato de trabalho, nunca se percebeu), como administrador da CGD para ir administrar o maior banco da concorrência, o que já de si é uma coisa fabulosa... como disse à época, seria o mesmo que o administrador da Coca-Cola dizer aos patrões para lhe aguentarem o lugar enquanto ele ia dar uma perninha na administração da Pepsi...

Agora consegue outra façanha de igual grau de dificuldade, perante as suspeitas de corrupção (ou outras) dá uma de idealista e suspende o seu mandato (uma suspenção como o mesmo lhe chama) até que as dúvidas se esclareçam...

Toda a gente lhe elogiou a rectidão, os valores, a excelência da decisão e o raio que o parta... Sabe-se agora que esta seriedade toda é-lhe paga a 30.000 o mês. E os accionistas do BCP a suportar esta brincadeira toda e a arcar com a seriedade do Vice...

Confesso que, de início, gostei da postura do banco, não se pôs ao lado do seu Vice-Presidente, não lhe amparou os golpes, distanciou-se e até referiu (apesar de ser óbvio) que todo o caso era mau para a imagem do banco demonstrando assim algum grau de censura. Sabe-se agora que era tudo fachada, o gajo, apesar de não por lá os pés, limpa na mesma o seu ao fim do mês...

O que é que o Berardo tem agora a dizer desta palhaçada toda??????

Aquele banco está completamente dado aos bichos...

Monday, November 16, 2009

Apesar do calor, começou o Natal



Colégio Militar


"Quem conhece ex-alunos do Colégio sabe que têm uma organização e uma coesão ímpar em qualquer outra escola. Falam do Colégio com saudade e têm um respeito pela instituição como ninguém tem da sua escola. Nela se fi zeram amizades que perduram para toda a vida e alguns dos meus melhores amigos são ex-alunos do CM e devo confessar que são sempre gente com outra postura perante o dever e a sociedade. O Colégio Militar dá educação em sentido pleno do termo. Tem um ensino de excelente qualidade e dá quadros de valores que nenhuma outra escola garante.
Em 1975, numa acção de dinamização organizada para os alunos do Colégio por gente afecta ao PCP —Varela Gomes, Faria Paulino e outros— começaram a atacar a instituição e a apelidarem os alunos de príncipes privilegiados. Um aluno dos mais novos, ou seja com uns 11 anos, levanta-se e calmamente diz que é filho de um oficial que morreu em combate, que se não fosse o Colégio não poderia estudar e não percebia onde estava o príncipe. Os protesto generalizaram-se (teve lugar uma gigantesca boiada, usando a terminologia do CM) e a comissão de dinamização foi forçada a sair pela porta dos fâmulos —porta de serviço— e não pela porta principal. Foi o enxovalho total, apesar de os ofi ciais tentarem,em vão, acalmar os alunos. É gente de fibra.(...)

Como professor na universidade, sempre que tenho conhecimento de que um aluno meu veio do CM, posso testemunhar o aprumo, o à vontade, a auto-confiança e o profi ssionalismo com que está numa aula. Tudo isto, em flagrante contraste com os colegas, especialmenteos mais betinhos. (...)
O contraste é gritante com o que se passa nas nossas escolas. E a anarquia, quase geral em que vive o ensino secundário, tem horror ao Colégio Militar, obviamente. Aliás, a verdade é mais funda: a anarquia quase geral da nossa sociedade tem horror à instituição militar. Uma instituição organizada, como a militar, que cultiva os valores da honra, da camaradagem, da disciplina e do dever para com a pátria, não pode ser bem vista pela sociedade actual. A nossa vida colectiva —a civil— privilegia o oportunismo, habituou-se aos casos de corrupção (com ou sem fundamento), tem uma imprensa virada para o escândalo e uma televisão com novelas que são difusoras da falta valores e da ausência dos bons costumes.
O Colégio Militar poderá acabar mas as razões estão na nossa sociedade e não dentro dos muros do Colégio. O horror à decência é dos indecentes. "
Luis Campos e Cunha
Professor universitário , in Público, 13-11-09

Memórias dos meus presidentes tristes...

Tenho, sinceramente, muita pena que Sampaio já não seja presidente...

No tempo dele a birra de um ministro foi suficiente para correr com um Primeiro Ministro que tinha maioria absoluta no parlamento...

Se ainda cá estivesse, o que não faria Sampaio a um Primeiro-Ministro, sem maioria absoluta, que está envolvido em tudo o que é investigação criminal existente no nosso país...

Thursday, November 12, 2009

Hospedeiras da Ryanair despem-se para o Calendário de 2010



Isto é que se chama boa e porfícua publicidade!

Friday, November 6, 2009

Palavaras pra cuê? é otro artizta portoges...

Tenho pena que o Pombo não permita comentários ao seus posts...

Assim, fica aqui o link para a pérola que ele descobriu e postou no 31 da Armada.

ATENÇÃO: Este gajo (Vara) é vice-presidente do BCP...

Palavras para quê, é um artista português...

Ontem Pacheco Pereira veio pedir explicações ao P.M. "eng." Sócrates relativamente ao processo face oculta..


Este crispou-se e acusou o primeiro de "lançar suspeições indevidas para tudo e para todos” de uma “forma doentia”, motivado pelo “ressentimento político” causado pela derrota nas eleições legislativas"


Apesar de eu, pessoalmente, não gostar muito do estilo de Pacheco Pereira, não é difícil admitir que o homem é ligeiramente mais inteligente do que o suposto engenheiro e por isso começou a dar-lhe baile em pleno parlamento...


O segundo, sem argumentos de melhor, passou à ofensa gratuita, que já se lhe reconhece como estilo, e disparou: "O senhor deputado passou de educador da classe operária a educador da classe política"; "A Assembleia da República não é a ‘Quadratura do Círculo’"; "E se o senhor deputado compreendesse o significado das duas derrotas eleitorais do PSD? Talvez não fosse mau dedicar alguma da sua capacidade de análise a isso" concluindo que "linhas políticas da pretensão da superioridade com a verdade não vencem em democracia"...


Mais à noitinha viemos a saber que o "Eng" Pinto de Sousa (vulgo Sócrates), tinha sido apanhado nas malhas da "face oculta"


Não faria melhor em ter estado calado?

Thursday, November 5, 2009

Não se esforcem...

Escusam de andar a choramingar por referendos para o Casamento Gay. É óbvio que o Não ganharia por muitos.

Mas... será que não aprenderam nada com o Tratado de Lisboa e o Aborto? Haverá tantos referendos como os que foram necessários para o casamento gay passar. Por isso deixem-se estar quietinhos...

Paixões estilo Guterres

Alguém da bancada centrista me explica porque é que o CDS deixou a agricultura ou a lavoura na mãos do Bloco de Esquerda?

Extradição adiada!


Coitado dele, depois da mansão em que vivia e do Rolls Royce em que andava, não tem dinheiro e não consegue arranjar um advogado!
E assim, com mais este expediente, lá conseguiu adiar a sua extradição para terras lusas!
Sempre em forma este senhor...

Friday, October 30, 2009

Escola de Malfeitores...

O que é que têm em comum José Pinto de Sousa, Armando Vara, Virgílio de Sousa e Fátima Felgueiras?

Escola de Malfeitores?





Na vida não há coincidências…


Aqui fica uma dica.

Temos a OBRIGAÇÃO de defender o mundo rural...


CONTINUA A DECORRER On-line A PETIÇÃO PARA PEDIR A OBRIGATORIEDADE DE SE ROTULAR AS GARRAFAS DE VINHO EM PORTUGAL, NO SENTIDO DE SE SABER SE TÊM OU NÂO ROLHA DE CORTIÇA. ESTE É UM PEQUENO PASSO PARA OUTROS... GRANDES QUE SE PODEM SEGUIR DENTRO DA NOSSA ÁREA.

Temos a OBRIGAÇÃO de defender o mundo rural...


PEÇO-VOS O MAIOR EMPENHO!!!

AJUDEM A DIVULAR!!!

PARTLIHEM A PETIÇÃO!!!


AQUÌ A TÊM :

www.peticao.ecologicalcork.com

Wednesday, October 28, 2009

“Ajuizado serás não supondo que sabes o que ignoras” (Platão)

Um texto brilhante que justifica plenamente a sua transcrição...

"Uma farsa

Por Vasco Pulido Valente


O problema com o furor que provocaram os comentários de Saramago sobre a Bíblia (mais precisamente sobre o Antigo Testamento) é que não devia ter existido furor algum. Saramago não disse mais do que se dizia nas folhas anticlericais do século XIX ou nas tabernas republicanas no tempo de Afonso Costa. São ideias de trolha ou de tipógrafo semianalfabeto, zangado com os padres por razões de política e de inveja. Já não vêm a propósito. Claro que Saramago tem 80 e tal anos, coisa que não costuma acompanhar uma cabeça clara, e que, ainda por cima, não estudou o que devia estudar, muito provavelmente contra a vontade dele. Mas, se há desculpa para Saramago, não há desculpa para o país, que se resolveu escandalizar inutilmente com meia dúzia de patetices.

Claro que Saramago ganhou o Prémio Nobel, como vários "camaradas" que não valiam nada, e vendeu milhões de livros, como muita gente acéfala e feliz que não sabia, ou sabe, distinguir a mão esquerda da mão direita. E claro que o saloiice portuguesa delirou com a façanha. Só que daí não se segue que seja obrigatório levar a criatura a sério. Não assiste a Saramago a mais remota autoridade para dar a sua opinião sobre a Bíblia ou sobre qualquer outro assunto, excepto sobre os produtos que ele fabrica, à maneira latino-americana, de acordo com o tradição epigonal indígena.
Depois do que fez no PREC, Saramago está mesmo entre as pessoas que nenhum indivíduo inteligente em princípio ouve.

O regime de liberdade, aliás relativa, em que vivemos permite ao primeiro transeunte evacuar o espírito de toda a espécie de tralha. É um privilégio que devemos intransigentemente defender. O Estado autoriza Saramago a contribuir para o dislate nacional, mas não encomendou a ninguém? principalmente a dignatários da Igreja como o bispo do Porto - a tarefa de honrar o dislate com a sua preocupação e a sua crítica. Nem por caridade cristã. D. Manuel Clemente conhece com certeza a dificuldade de explicar a mediocridade a um medíocre e a impossibilidade prática de suprir, sobre o tarde, certos dotes de nascença e de educação.
O que, finalmente, espanta neste ridículo episódio não é Saramago, de quem - suponho - não se esperava melhor. É a extraordinária importância que lhe deram criaturas com bom senso e a escolaridade obrigatória."

Tuesday, October 27, 2009

Agora vamos ver se a Liga está ou não impregnada de Lampiões



Depois do escandaloso mergulho para a piscina que deu o primeiro de dois penalties da noite e (sétimo da temporada) o "Palhaço" está, cada vez mais, quase ao nível de João Vieira Pinto. E mais, se os outros palhaços de facto fizerem alguma coisa na LPFP, aposto o que quiserem que o castigo não é cumrpido nem frente ao Braga, nem frente ao Sporting. Há um jogo com a Naval mesmo a jeito... Tudo "problemas de agenda" claro.

"um cretino é um cretino"?? é deixá-lo ser....


Monday, October 26, 2009

A peça que Sócrates quis abafar...ouçam antes que desapareça..

Vejam enquanto se pode...

É esta a peça que Sócrates não queria que fosse ouvida e Manuela Moura Guedes ia apresentar na sexta-feira...

Por enquanto...está aqui...depois a censura apagá-la-á!!!

Peça preparada sobre o outro primo do primeiro-ministro, José Paulo Bernardo Pinto de Sousa, a.k.a. «O Gordo», algures em Benguela...

http://www.videos.iol.pt/consola.php?projecto=27&pagina_actual=1&mul_id=13162208&tipo_conteudo=1&tipo=2&referer=1


Friday, October 23, 2009

Do melhor...


Continuo sem ter a mínima paciência para os livros dele, mas confesso que adoro ouvir este homem a falar, e ler as suas crónica, um regalo...

Claro que, neste momento de polémica, a sova que ele deu ao Saramago foi, para mim, a cereja em cima do bolo...

Thursday, October 22, 2009

E o vencedor é.....

Ouvi de tudo na tv a respeito da constituição do novo governo. Há gente que tem uma imaginação do caraças, "aquele entrou por isto, aquele foi por aquilo, já aquele e para agradar aos sindicatos e atacar os patrões". Tudo tretas!! como se Sócrates conseguisse atingir aqueles níveis de maquinação diabólica que os comentadores especulam, o homem não é assim tão esperto. "Na agricultura está um gestor habituado a negociar fundos europeus" o homem era gestor de um hospital pá!!! porque raio é que será ministro da agricultura? quanto muito da saúde... Teorias e conversas para apresentar um governo provisório que pouco ou nada vai decidir enfim folclore a portuguesa.
A única coisa inteligente que se ouviu a respeito do novo governo veio, como não podia deixar de ser, de...
Alberto João Jardim!!!!
«com Santos Silva na Defesa estou a ver a esquadra portuguesa toda afundada»
Simplesmente delicioso, o homem é engraçado quer gostem quer não gostem.

Novo governo


(neste caso até as moscas são as mesmas)

Constituição do novo governo


Wednesday, October 21, 2009

Fifa multa Albânia por falta de higiene.




A Fifa multou em 15 mil euros a Federação de Futebol da Albânia por falta de higiene.

Ao que parece por falta de água nos balneários. Para que servem uns balneários sem água?

Isto na verdade não passa de resquícios de vários anos de desgovernação trotskista, em que o "banho", esse mau hábito imperialista era condenado e passava ao lado do comum cidadão e era apenas para alguns que ainda hoje vivem na "Lapa" ou podem continuar a fazer PPRs.


Renuncie e já!


O eurodeputado social-democrata Mário David exortou hoje o escritor José Saramago a renunciar à cidadania portuguesa por se sentir “envergonhado” com as recentes declarações do Nobel da Literatura sobre a Bíblia.


E eu também acho: Sr. Saramago, já que vive nas Canárias há muitos anos e, nessa medida, está em condições de pedir a nacionalidade espanhola, faça-nos um favor e não hesite, entregue o requerimento!

O porquê da grandeza...


No próximo dia 26 de Outubro, na partida com o Nacional da Madeira, o Sport Lisboa e Benfica vai homenagear todos os seus Sócios, que em conjunto permitiram que se ultrapassasse a barreira dos 200 mil associados, consolidando a posição do Benfica como o Maior Clube do Mundo.

Na semana que antecede o jogo para a Liga Sagres, o Benfica arranca amanhã, dia 21 de Outubro, com uma campanha de angariação de novos Sócios, que culminará com o Baptismo de Sócio no relvado do Estádio da Luz.

Todos os adeptos que se inscrevam como Sócios entre o dia de amanhã e até ao dia do jogo pelas 19h00, irão receber, no momento da inscrição, uma carta de boas vindas, juntamente com dois convites para o jogo SL Benfica X Nacional.

Na carta, o Sócio terá conhecimento dos procedimentos a seguir para participar na acção Baptismo de Sócio:· 75 minutos antes do jogo, ou seja, às 19 horas, os novos Sócios serão chamados ao centro do relvado;· Serão recebidos pelo Juan e pela Águia Vitória;· Será realizada uma foto com todos os novos Sócios juntamente com o presidente.

Aos novos Sócios vão-se juntar na homenagem, os associados 199.999, 200.000 e 200.001.

Desde o lançamento do primeiro Kit de Sócio em Maio de 2004, no qual o Benfica tinha registados 94.714 Sócios, se inscreveram no Clube mais de 105 mil novos associados.

Tuesday, October 20, 2009

Monday, October 19, 2009

Perfeito, perfeito!!






Maravilha, garantido, jogamos primeiro em casa e tudo, perfeito, nada pode correr mal.

A última vez que fiquei assim tão contente foi no sorteio para a fase de grupos no mundial de 2002 na Coreia e Japão...

Friday, October 16, 2009

Coligação Lisboeta

Começa bem o mandato socialista na camara de Lisboa.
Coliga a esquerda, coliga a direita, pactos com tudo e todos agora aguentem-se, a Helena afinal faz falta...

Agricultura europeia


Para os eruditos do costume, aqueles que mesmo não fazendo ideia do que se passa tem sempre uma opinião acutilante na ponta da língua, que me dizem que o problema da nossa agricultura é que só vivemos para os subsídios e que não sabemos fazer nada, que passam a vida a dizer que nos outros países europeus é que se produz e se ganha dinheiro a sério, fica esta manifestaçãozeca que os agricultores franceses levaram a cabo hoje nos campos Eliseos.

A França é, reconhecidamente, o maior produtor agrícola europeu. Recebem muitos mais subsídios do que nós, a fatia de leão da PAC é atribuída aos franceses que recebem em média o dobro ou o triplo dos subsídios dos agricultores portugueses.

Portugal, na sua infinita bondade, ainda dispensa umas centenas de milhões de euros de fundos comunitários a que tinha direito que os outros países, que dispõem de ministros com cérebro, aproveitam até ao cêntimo.

Ora se a França está neste estado ( para os eruditos do costume os campos Eliseos são a avenida da liberdade lá do sitio). Nós por cá também não estamos assim tão bem. A ver se o próximo ministro, isto contando que este acéfalo vá a vida, se mentaliza que isto está mau, e que não está mau só aqui, a agricultura está pelas pontas em toda a comunidade europeia, e corremos sérios riscos de não conseguirmos produzir para dar de comer aos que cá vivem.

Depois não digam que eu não avisei.....

Tuesday, October 13, 2009

Direito à indignação

Não tenho em mim ponta de xenofobia ou racismo. Mas perante o preconceito, racismo e xenofobia dos outros, como devemos reagir? Sra. Maitê Proença, faça-nos a todos um favor: nunca mais volte a Portugal.

http://www.destak.pt/video/42600

Thursday, October 8, 2009

Estranho!??!

Porque é que não são publicadas sondagens sobre as eleições de Lisboa?

será que não há? ou não interessa publicar?

Friday, October 2, 2009

A coerência do BE


Agora em sede de autárquicas, importa destacar a coerência e legitimidade do Bloco de Esquerda nos seus ideais e combates...

Sabe-se, à boca cheia, que o Bloco é talvez a única força política que combate frontalmente as touradas em Portugal.

Ora, a única representante do Bloco à frente duma autarquia é, precisamente, Ana Cristina Ribeiro, presidente da Câmara Municipal de Salvaterra de Magos que, não apenas é a favor das touradas, como é a favor das touradas de morte. Não há, no entanto, conhecimento do Bloco alguma vez ter pedido uma manif à frente da edilidade como tanto gostam de ensinar nos seus acampamentos de Verão...

Mas melhor, no seu programa eleitoral o BE veio dedicar umas linhas à proibição de rodeos, que ninguém sabia existirem em Portugal... Foram altamente criticados por isso, pela estupidez deste pormenor, mas, afinal, até tinham razão.

É que até existem rodeos em Portugl, adonde? perguntam usteds... Precisamente em Salvaterra de Magos, o único burgo bloquista em todo o país...

Isto sim, é obra!!!

Virus SLB1!

Como se sabe estamos desde há algum tempo sob a ameaça de um dos mais perigosos e contagiosos vírus de que há memória. Falo naturalmente do SLB1, popularmente conhecido como Gripe das Águias. Paulatinamente, o pânico começa a apoderar-se da população e é nestas alturas que urge esclarecer e informar, para se evitarem males maiores. Fica aqui uma sequência de perguntas frequentes e respectivas respostas:
O que é o novo vírus da Gripe das Águias (SLB1)?
- É um vírus altamente contagioso que ataca sobretudo a população benfiquista, principal grupo de risco. As vítimas têm normalmente a memória muito curta e uma assustadora incapacidade de distinguir a ficção escrita nos desportivos da realidade.
Quais os sintomas da doença?
- O SLB1 causa nos infectados picos de febre altíssima, levando-os ao delírio e a acreditar piamente que o Benfica será campeão, que ganhará a Champions (mesmo sem participar há uns bons aninhos) e o Torneio de Chinquilho de Atouguia da Baleia. Outros sintomas: os infectados voltam subitamente a falar de futebol, compram em massa produtos oficiais do SLB, retomam o envio de sms's jocosos aos rivais e juram a pés juntos que o Luisão é um bom central.
Como se infectam as pessoas com o novo vírus da Gripe das Águias (SLB1)?
- Ouvindo mais que dois minutos sócios e simpatizantes do SLB, lendo jornais desportivos (um simples olhar para a capa pode ser fatal), sintonizando a SIC, TVI ou SportTV. Ser assinante da Benfica TV é assinar (lá está...) a sua própria certidão de óbito. Ler as crónicas do João Gobern pode ser fatal.Estes são comportantos de risco que devem ser evitados a todo o custo.
Qual é o período de incubação da doença?
- O período de incubação da Gripe das Águias, ou seja, o tempo que decorre entre o momento em que uma pessoa é infectada e o aparecimento dos primeiros sintomas, é equivalente ao tempo que o Carlos Martins demora a lesionar-se num jogo. 5 a 9 minutos, portanto.
Quanto tempo dura a infecção pelo SLB1?
- Estudos realizados em temporadas recentes demonstram que este vírus começa a manifestar-se em meados de Junho. A sintomatologia dura geralmente até a 6ª jornada. 10ª na pior das hipóteses. Nessa altura dá lugar à Depressão das Águias, tema que abordaremos numa próxima oportunidade.
A doença pode ser tratada?
- Sim, pode. Geralmente uma derrota em casa com um Olhanense ou Metallist (?) ou uma cabazada fora com um Olympiakos são remédio santo.
O que devo fazer entretanto?
- Evite o contacto próximo com pessoas doentes, mantenha-se afastado de qualquer jornal desportivo, mantenha a calma e aguarde tranquilamente pelo mês de Novembro, altura em que se prevê que o vírus esteja extinto.

gamelas e gamelões


E pronto, estava a demorar a vir a baixaria do costume.
Estas declarações de Elisa Ferreira são realmente um must de incompetência e de estupidez.
Tanto tenta justificar o injustificável que cada vez se enterra mais.
Tratar por "gamela" a posição de eurodeputado, referindo-se ao elevado rendimento que auferem, é mais um exemplo da falta de classe que esta senhora empresta a luta política.
Rui Rio está a ter uma campanha santa, pode passar o resto do tempo deitado a sombra no parque da cidade.Para ganhar é só preciso que Elisa Ferreira continue a fazer campanha e a soltar pérolas destas por ai, é limpinho.
Quem é que aconselha esta mulher? O emplastro?
Tenho para mim que isto é tudo de propósito, ela está tão interessada em ser presidente da câmara do Porto como eu estou em ser presidente da junta de S.Brás do Regedouro. Por isso mesmo de cada vez que ganha um pontinho nas sondagens vá de meter uma argolada daquelas grandes, tá quieto se quer ir trabalhar. Está-se bem melhor sentadinha em Bruxelas a largar postas de pescada do que no Porto a aturar aquela malta dos bairros sociais
Táctica inteligente, assim não há perigo de ser eleita com certeza!

Thursday, October 1, 2009

Os senhores que se seguem

Ultrapassado o episódio politraumático colectivo das eleições legislativas teremos, daqui a semana e meia, as eleições autárquicas...

Confesso que, para mim, as legislativas têm outro vigor, o país todo em discussão, cabeças a rolar nos partidos, etc. diria que é uma espécie de superliga em contraposição com as autárquicas que serão uma taça de Portugal e as europeias que são o género duma taça da liga.

Gosto, ainda assim, da disputa eleitoral autárquica que tenho visto na televisão. É mais viva, é mais palpável, as pessoas sentem mais na pele aquilo que os autarcas dizem e prometem.

No que me diz respeito sigo com particular interesse as disputas em Lisboa e no Porto, e com alguma curiosidade a de Évora, embora aqui as cores mudem pouco entre o rosa e o vermelho...

Na disputa de Lisboa gostei muito de ver ontem o Santana Lopes nos "Gatos". Já muitas vezes lhe fizeram a cama, o deram como acabado, incinerado, morto político e enterrado a sete palmos do chão. Ontem ele próprio gozou com esse facto, falou da má moeda, convidou, em directo o Ricardo Araújo Pereira para provedor do munícipe, pôs o Costa no sítio em relação às diatribes que andou a dizer sobre o I.P.O., enfim, esteve ao seu melhor nível, mais maturo, mais seguro do que quer e principalmente do que não quer... Defendeu a líder do seu partido, ao contrário da cambada de vampiros coelhistas que já arreganham os dentes... Em suma "He´s Back"...

No debate do Porto pouco há a dizer. Rui Rio parece ter um caminho limpo à sua frente, não apenas porque as pessoas do Porto gostam dele, mas principalmente porque as pessoas do Porto não gostam de Elisa Ferreira (a começar pelos restantes candidatos à Câmara que a atacam mais do que ao próprio Rio). O que não é de espantar, como é que é possível votar numa pessoa que já tomou posse como deputada europeia e que diz, à boca cheia, que se não for eleita volta para Bruxelas... É isto que os portuenses querem? É isto que os socialistas querem como candidatos? alguém que não protege os interesses dos votos que recebe? Ou será que, para os socialistas, ser vereador é uma função menor comparada com a de deputada europeia (o político quiçá mais longe das pessoas que o elegeram...)... é triste...

Wednesday, September 30, 2009

Foi você que pediu..


Com estas trapalhadas todas do primus inter pares da república, já para não falar das dos anteriores titulares do cargo, continua a espantar como é que ainda ninguém se lembrou de um regime melhor...

Claro que o objectivo não é ganhar com a derrota dos outros, mas quando o republicanismo anda pelas ruas da amargura convém recordar que há estabilidade, pelo menos institucional, nas grandes monarquias europeias, onde seria impensável estes episódios sucederem...

A atenção da presidência da republica


É de borla, tem spyware protection, hacker attacks prevention(PS attacks tb previne) e mais uma quantidade de funções úteis tais como protecção de emails, o que para o caso tinha dado um jeitão.
Era preciso estarem 5 semanas a espera que o técnico de informática lá fosse? Cambada de info-excluídos!!!!

Submarino ao fundo II...?


Para mim a explicação para o que sucedeu ontem com o nosso PR é simples: Quem anteriormente lhe escrevia os discursos era Fernando Lima e como este foi afastado, alguém claramente mais incapaz assumiu a referida tarefa...
Ou isso, ou eu não percebi o verdadeiro alcance do discurso: baralhar e voltar a baralhar.

Thursday, September 24, 2009

Zangam-se as comadres

O mais fantástico é ter vindo de dentro do próprio PS, logo não vamos ter de ouvir o Santo Silva a desfilar impropérios sobre perseguições e a atacar o PSD com tudo o que tem.
Estou aliás bastante curioso em ouvir o que ele vai disser. Se é que vai disser alguma coisa, olhar para o ar e assobiar é uma táctica bastante em voga no PS, tantos são os escândalos que tem vindo a publico.
Será que os portugueses vão deixar que esta cambada continue a governar o país? Seremos assim tão ingénuos?

Os 3 inimigos da Floresta: Incêndios, Nemátodo e o ministro Jaime Silva - Parte II

Associação Nacional de Empresas Florestais, Agrícolas e do Ambiente

Informação à Imprensa

A Propósito de asfixia democrática…

ANEFA afastada do Conselho Florestal Nacional


A Associação Nacional de Empresas Florestais, Agrícolas e do Ambiente vem, uma vez mais, lamentar o facto de decisões importantes sobre o Sector Florestal estarem a ser tomadas à revelia dos interesses de todos os agentes.

Esta afirmação sucede ao facto de, no passado dia 4 de Setembro, se ter realizado um encontro do Conselho Florestal Nacional, sem que tivesse sido convidada para fazer parte da mesma.

O CFN é um “órgão consultivo de concertação de âmbito nacional”, integrado pelas entidades máximas abrangidas pelo Decreto-lei 159/2008 de 8 de Agosto, mas igualmente, por “elementos representativos das estruturas empresariais e associativas do sector e das fileiras florestais, da caça e da pesca em águas interiores”. Nas suas competências, encontram-se acções importantes como a emissão de parecer sobre a legislação estruturante do sector, das estratégias florestais e sobre planos de defesa da floresta.

Lamentamos profundamente que mais uma vez seja provada a falta de cooperação entre todos os agentes do sector, quando a base é o desenvolvimento de um bem comum. A ANEFA é a única associação de âmbito nacional que representa os prestadores de serviços ao Mundo Rural, pelo que acreditamos que a representatividade do sector florestal passa, certamente, pelos agentes que afiguramos”, adianta a Direcção da ANEFA.

Recorde-se que entidade semelhante fora criada em 2000, o Conselho Consultivo Florestal (Decreto-Lei n.º 166/2000 de 5 de Agosto), e que a ANEFA terá participado em anteriores reuniões, muito em parte pela importância deste órgão de consulta e por se considerar fundamental que todos os intervenientes tenham voz activa, para bom entendimento em decisões conjuntas, com implicações para todos os agentes do sector.

Questionada a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Rural e das Florestas, sobre o incidente, a ANEFA não obteve ainda qualquer resposta sobre este afastamento, mesmo após vários pedidos de esclarecimento.

Este episódio vem reforçar a ideia de que as múltiplas contestações da ANEFA, desde os atrasos na implementação do ProDeR, à ineficácia do plano de acção de combate ao Nemátodo, têm estado, provavelmente, na base de afastamentos desta ordem.

Não é a primeira vez que a ANEFA é colocada em período de nojo pelas autoridades nacionais… “Temos a primazia de não depender de subsídios de ninguém e isso permite-nos ver e relatar a realidade, sem receio de represálias. Numa altura em que tanto se fala de asfixia democrática, não deixa de ser notório que há vozes que incomodam e que por isso, são afastadas. No entanto, o silêncio não sustenta florestas!”, conclui a Direcção da Associação.

Wednesday, September 23, 2009

Os 3 inimigos da Floresta: Incêndios, Nemátodo e o ministro Jaime Silva

Associação Nacional de Empresas Florestais, Agrícolas e do Ambiente

Os 3 inimigos da Floresta:

Incêndios, Nemátodo e o ministro Jaime Silva

Já diz o ditado popular que à terceira é de vez. Infelizmente para a floresta portuguesa e para todos os florestais, já se encontraram os três grandes inimigos do sector!

É inevitável a associação entre espaço florestal e incêndios, sendo que, ano após ano, se constata a ineficiência da manutenção da floresta e a falta de recursos para prevenção e combate aos incêndios florestais.

Mas temos sempre um ministro optimista, que mesmo após a tragédia ocorrida na passada semana, no Sabugal, diz publicamente que os produtores têm uma óptima oportunidade no ProDeR para a recuperação do espaço florestal e agrícola perdido. Seria talvez verdade… se o ProDeR efectivamente funcionasse!

O Nemátodo da Madeira do Pinheiro, que é uma ameaça concreta à floresta de pinho em Portugal e que, mesmo com medidas de excepção, tende a alastrar-se por todo o país, atingindo já zonas emblemáticas como a Mata do Buçaco e o Pinhal de Leiria, tem sido banalizado, colocando em risco centenas de empresas e trabalhadores.

Estes condicionalismos não limitam apenas as empresas de exploração florestal, mas começam a afectar, igualmente, viveiristas que encontravam na exportação a salvação para milhares de plantas que não eram utilizadas na florestação em Portugal e que, de acordo com as exigências comunitárias agora impostas para combate e controlo do Nemátodo, estão impedidos de o fazer.

Mas temos um ministro sempre optimista, que afirma estarmos a dramatizar a situação e que o Nemátodo não é o principal problema da Floresta.

Pois, de facto, não é… Infelizmente para a floresta portuguesa, o seu principal problema é o ministro Jaime Silva que, no seu optimismo, não deve ter certamente a noção de quanto está a comprometer a sustentabilidade da Floresta portuguesa, das empresas, particularmente das Micro e PMEs, que dela fazem o seu sustento de vida.

Estamos a assistir, de pés e mãos atadas, à destruição de um sector, cuja representatividade económica é, em muito, superior à AutoEuropa ou, mesmo, a várias dezenas de “Quimondas”. Não compreendemos porque é que o Ministro insiste em ignorar um sector que abrange mais de 400 mil proprietários, 250 mil trabalhadores, 1000 milhões de euros de volume de negócios e mais de 12% da população activa, cujos rendimentos provêem directamente da actividade florestal”, adianta a Direcção da ANEFA.

Talvez seja difícil para aquele membro do Governo compreender, mas aquelas pessoas vivem para e da Floresta, pelo que não é só a sua actividade que está em risco mas, igualmente, a sua subsistência.

Não obstante, assistimos à destruição anual de centenas de milhares de plantas florestais certificadas, por não haver articulação entre a sua produção e a elaboração de projectos. A não operância do ProDeR não tem, assim, apenas implicações ao nível do beneficiário, que não vê atribuídos os subsídios a que tem direito para aplicação no desenvolvimento florestal. É uma questão muito mais profunda, que coloca em causa todos os agentes do sector.

Muito se tem falado nos financiamentos comunitários que se poderão perder, caso o TGV não avance, mas a verdade é que a floresta tem perdido, ao longo destes últimos anos, muito mais, e de forma irreversível, quer ao nível dos fundos comunitários, quer em taxas pagas para a certificação de plantas que não chegam a ser plantadas, ou mesmo, na sua produção e principalmente, a nível de sustentabilidade.

E a Direcção da ANEFA sublinha: “É chocante ver enterrar milhares e milhares de plantas, só porque não existem projectos florestais contratados, e ainda, tendo a noção de que a sustentabilidade da Floresta está a ser posta à prova. A única floresta que o ministro Jaime Silva ajudou a criar foi esta: mais de 2 milhões de plantas destruídas”.

Não se pode deixar de perguntar a Jaime Silva, Ministro da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas, se tem consciência de quantos agricultores e silvicultores já colocou em gravíssima situação financeira e o quanto contribuiu para a ruína de empresas prestadoras de serviços, com o monstro inoperante que criou com este ProDeR.

Coisas que realmente interessam

Ainda não perdi a esperança de se falar de UM assunto de jeito nesta merda de campanha de diz que disse, demite aquele sai o outro, quem diz é quem é e o meu pai é mais forte que o teu, com que os principais partidos deste país nos estão a brindar.
A divida publica atingiu valores pornográficos, somos campeões em fundos estruturais perdidos, o desemprego disparou para níveis recorde e esta malta que se propõem a governar este barco 3/4 afundado só fala de porcaria e futilidades.
Não vou sequer comentar a brejeirice que grassa nas hostes socialistas. Toda a gente sabe que o ser humano quando está em situações de stress deita cá para fora o mais intimo do seu ser, e , infelizmente, o que o PS tem mostrado ao país nos últimos dias é um triste sinal da verdadeira formação e educação que grassa nas cúpulas de poder socialista.
Só pergunto: Com uma campanha deste nível, como querem que as pessoas vão votar no domingo? Para isto mais vale ficar em casa.

Tuesday, September 22, 2009

De uma autora com tino.

"Nestas próximas eleições
Não deixem de ir votar
Pois não é com abstenções
Que as iremos ganhar

O bloco é lá da esquerda
Lá do extremo radical
Que desgraça, mas que perda
Seria para Portugal!

Os comunas não os queremos
Cá na nossa Lusitânia
De repente, sem sabermos
Acordávamos lá n"Albânia

Que dizer dos socialistas
Sempre mal intencionados
Pois sejamos realistas
Fomos todos prejudicados

PSD ou CDS
Escolham o que mais apraz
Portugal já bem merece
Um governo mais capaz

Eles vão sempre todos votar
Nós ficamos sempre em casa
Vamos lá então mostrar
Que também somos de raça

Quem não vota é carneiro
E ajuda os camaradas
Seja lá aventureiro
Não mais siga as carneiradas

É preciso erguer a voz
Cumprir nossa obrigação
Se lá formos todos nós
Ganharemos a eleição

O país é Portugal
É só nosso, de mais ninguém
Vamos lá ó pessoal
Votem todos! Votem bem

Seja activo lhe peço eu
Que já sou dos mais antigos
Se gostou do que aqui leu
Mande já para os seus amigos


SE TODOS VOTARMOS, GANHAREMOS

Existo, então voto!"