Monday, October 19, 2009

Perfeito, perfeito!!






Maravilha, garantido, jogamos primeiro em casa e tudo, perfeito, nada pode correr mal.

A última vez que fiquei assim tão contente foi no sorteio para a fase de grupos no mundial de 2002 na Coreia e Japão...

3 comments:

Anonymous said...

Esperemos que os jogadores sejam mais realistas. A BiH foi talvez a equipa mais aguerrida das qualificação.

E Portugal talvez das menos...

Luis Melo said...

Nós merecemos, eles não !

Depois da vergonhosa fase de qualificação – em que tinhamos manifestamente as melhores individualidades, mas não soubemos transformar em equipa – lá passamos “à rasquinha” (como é nosso apanágio) para o play-off. Agora temos dois decisivos jogos com a Bósnia-Herzgovina para chegar ao Mundial 2010.

Se formos ao Mundial de Futebol da África do Sul, nenhum português se irá lembrar que apesar da crise em que o país está mergulhado, a nossa selecção vai gastar milhões de euros em hóteis de 5 estrelas, viagens em 1ª classe ou jantares de luxo para todos os directores, técnicos e jogadores.

Directores, técnicos e jogadores esses que ganham dezenas ou centenas de milhares de euros por mês, mas mesmo assim exigem prémios milionários para representarem a selecção do seu país. Os mesmos que nas fases de qualificação (que não têm mediatismo) não se esforçam, não trabalham, simulam lesões. Mas depois nas fases finais (em que há TVs a transmitir para todo o mundo) cantam o hino de mão no peito e dão o litro (não vá um contrato melhor caír do céu).

Por mim, borrifo-me para estes senhores. Eles não merecem ir a mundial nenhum. Nós, o povo português, até que mereciamos, para nos levantar a moral. Mas estes “meninos”… Claro que haverá sempre excepções que confirmam a regra: por exemplo Deco, Pepe ou Raúl Meireles.

draco said...

Caro Luis Melo,

De facto tudo o que diz é verdade e vai ser uma desculpa para mais umas dúzias de socialistas andarem a passear para irem ver a bola, agora devo dizer que a capitalização eventual dos jogadores só trás benefícios para nós pois o país ainda vive muito à custa da entra da das divisas dos emigrantes e se estes forem de luxo(milhões será a escala)tanto melhor...