Wednesday, March 25, 2009

Qual crise qual carapuça

Segundo dados do INE, as falências de empresas em Portugal aumentaram 51%!! na 1ª metade do ano de 2008.
Situando temporalmente qualquer esbirro socialista que venha fazer a costumeira contra-informação, é antes da crise ok rapaz? Não vale a desculpa esfarrapa do chefinho que o problema é internacional estamos entendidos?
Desejoso para saber que justificação fantástica terá o governo para estes números. Das duas, uma:
1ª_A economia portuguesa está tão avançada em relação ao resto do mundo que antecipou a crise em 6 meses, fruto da pujança que demonstrava.
2ª_O governo anda a aldrabar tudo e todos e esta crise internacional foi o bode expiatório perfeito para as borradas que fizeram durante 4 anos.

4 comments:

TP said...

Você confunde o abrandamento económico com a crise financeira.

A crise financeira foi despoletada por uma recessão global iniciada bem antes do verão de 2008. É natural que já houvesse repercussões no tecido empresarial Português.

D.P.V said...

Não digo que não, o problema já vinha de trás, então como se justifica que , com estes dados todos, o governo ainda falasse em agosto na criaçao de 100 mil postos de trabalho por exemplo?
Como se justificam as previsoes de crescimento economico e a desculpa que ninguem estava a prever a crise?
No meu banco a minha gerente de conta disse-me em junho que a crise ainda nao tinha começado, em Setembro ia haver um tombo brutal da economia, a uma escala nunca antews vista.Se a minha gerente de conta sabia, o ministro não? é aldrabice atras de aldrabice...

Anonymous said...

dpv o melhor é recomendares a tua gestora de conta ao partido socialista.

Eles aceitam logo a proposta se ela for gay.

D.P.V said...

lol, duvido que queira a senhora é até bastante honesta.